quinta-feira, 17 de julho de 2008

Um tremontelo dos sentidos

Aqui há uns dias atrás tive uma experiência inebriante: tive a oferta de um lanche com massagem a dois num sítio espantoso em Lisboa (há horas de sorte).

A massagem consistiu num Shiatsu localizado durante cerca de meia hora. Digo-vos: a partir de uma certa altura já nem se dá pelo passar do tempo e sentimos uma alívio, uma descompressão, uma ... nem sei dizer.

Depois vieram as iguarias divinais: a salada de frutas, as frutas exóticas e os sumos.

E que dizer do romantismo do ambiente?

8 comentários:

poetaeusou . . . disse...

*
volúpia ???
,
conchinhas de amizade
,
*

Justine disse...

Há mesmo horas de sorte! E de inveja, que é a que eu estou a sofrer agorinha :))
Que essa experiência se repita...
Beijo

Teresa Durães disse...

pois eu também gostava de experimentar!

O Profeta disse...

O começo!
Uma viagem no Mundo presente
Será que o vento açoita as árvores
Ou são elas que cedem ao embalo docemente

Gostava que sentisses o embalo das palavras

Bom fim de semana


Mágico beijo

Rosa dos Ventos disse...

Que inveja!
Adoro massagens!!!:-))

Abraço

Papoila disse...

... menina sortuda! Shiatsu localizado durante cerca de meia hora... seguida de saladas de frutas e sumos... também quero sniff eheheh
Beijos

TINTA PERMANENTE disse...

Devia ter sido... engraçado. Digo eu, alóctone, também...

abraços!

(agradecido pela visita e gostada que foi a vinda aqui)

Patanisca disse...

Obrigado a todos pelos gentis comentários. Bem gostaria que estas deliciosas volúpias pudessem um dia chegar a todos.

Beijinhos
Teresa